Não estamos sabendo vencer, afirma Luizomar de Moura após nova derrota

Minas faz 3 sets a 2 em derruba invencibilidade que vinha desde a temporada passada na Superliga

Foto: Ale Cabral/Fotojump
Após abrir 2 sets a 0, o Vôlei Nestlé Osasco não conseguiu fechar o jogo e tomou a virada no Ginásio José Liberatti contra o Camponesa Minas. A derrota por 3 sets a 2 encerrou uma invencibilidade em casa que durava desde o início da Superliga da temporada passada. 

As mineiras venceram com parciais de 21/25, 19/25, 32/30, 25/15 e 15/13, em 2h17min, na tarde deste sábado (18), no José Liberatti. A partida foi válida pela oitava rodada da Superliga 2017/18. O próximo desafio será contra o Praia Clube, na próxima sexta-feira (24), em Uberlândia.

 "Estamos construindo o jogo, mas não estamos sabendo vencer. E a equipe precisa aprender a vencer", afirmou o técnico Luizomar de Moura. 


As dificuldades já foram vistas em outros jogos do torneio, como contra o Fluminense e diante do Bauru, com reações de ambos após um bom começo do time osasquense. "Não estamos conseguindo, permitindo a reação do adversário. Hoje, no terceiro set, com chances de fazer 3 a 0, não finalizamos. Agora é pegar as coisas positivas, lógico, mas buscar a correção dos erros. Essa situação me preocupa", completa.

Assim como na vitória sobre Bauru, o Vôlei Nestlé foi comandado por Spencer Lee. Isso porque o técnico Luizomar chegou da Colômbia, onde conquistou a medalha de prata nos Jogos Bolivarianos ao lado da ponteira Angela Leyva. Ele compôs a comissão técnica no banco e participou da orientação da equipe. 

O Vôlei Nestlé entrou em quadra com Fabíola (6), Paula (20), Tandara (21), Mari Paraíba (8), Bia (13), Ninkovic (1) e a líbero Kika. Entraram Carol Albuquerque (1), Lorenne (6), Nati Martins (1) e Angela Leyva (1). Técnico Spencer Lee.

O Camponesa Minas entrou em quadra com Macris (5), Tormena (1), Rosamaria (18), Pri Daroit (18), Mayany (3), Mara (13) e a líbero Léia. Entraram: Carol Gattaz (15), Hooker (12), Karine (1), Natalia (2). Técnico: Stefano Lavarini.
Nas redes sociais, Oeste parabeniza rivais após pr...
Oeste perde para o ABC e não tem mais chance de ac...